FIQUE POR DENTRO

Cadastre-se abaixo e receba as todas as novidades do Vestida de Mãe!

JÁ SOU CADASTRADO(A)

Airbnb em Paris | Como escolher o melhor apartamento

Não poderia ter sido mais feliz nossa escolha por ficar num Airbnb em Paris.
Ter uma apartamento só nosso, chegar “em casa” no fim do dia e poder fazer um omelete para os meninos, ter espaço para lavar mamadeiras, acordar e ter nosso café da manhã enquanto nos arrumamos. Espaço sem aperto para guardar as malas, pendurar os casacos, estacionar carrinhos, ter ambientes diferentes, o que é menos estressante para as crianças.

Sobre nosso apartamento Airbnb em Paris

Aqui a experiência foi acima da expectativa, um anfitrião que deixou um guia de boas-vindas com todas informações, inclusive telefone do médico da família, senha do wi-fi e até produtos de bebê. Comprou um berço novo, deixou uma garrafa de vinho rosé na geladeira para gente. Cozinha toda equipada e no closet, até cabos de carregar celular e tomada universal tinha.

No horário combinado, uma pessoa simpática veio nos receber, mostrou o código do portão, do elevador e todas as funcionalidades do apartamento. Nossa acomodação tinha uma cama de casal e um sofá cama confortável na sala, além do berço.
Aqui o link do apartamento em Paris. Vale dizer que fiz a reserva com pouca antecedência, em plena semana de moda de Paris, haviam poucas opções. Navegando pelo site da Airbnb você pode achar muitas outras opções maravilhosas.

Dicas para reservar acomodações no Airbnb

 Antes de efetuar a reserva, sempre troque mensagem com seu anfitrião para tirar suas dúvidas do local. Eu perguntei se tudo bem ir com bebê, quanto tempo era a estação de metrô mais próxima.

 Você pode fazer buscas de diversas formas. Fiz busca por bairro, queria muito ficar no Le Marais e foi a melhor escolha! Bairro residencial cheio de ótimos restaurantes, padarias, mercado etc. Evite ficar perto da torre, lugar mais turístico.

 Você pode fazer busca também por berço. Em “mais filtros”, vá em “comodidades” e filtre as opções com berço.

 Outro filtro importante é o “superhost”, que significa anfitriões com pelo menos 10 avaliações 5 estrelas seguidas. São anfitriões que fazem de tudo para agradar os hóspedes para não perderem o título de “superhost”.

 Especificamente aqui em Paris e acredito que Europa, verifique se o prédio tem elevador! Não são todos que tem, muitas vezes você chega e tem que subir quatro andares com malas, carrinhos de bebê. Evite perrengues, pergunte tudo. O prédio onde fiquei tinha elevador!

 Sempre mantenha a conversa com o anfitrião dentro do site da airbnb e não em redes sociais ou e-mail – isso ajuda se o Airbnb precisar investigar qualquer denúncia.

Clique aqui para pesquisar no Airbnb


Link do stories onde mostrei o apartamento airbnb em Paris:

Dia 1 – City Tour, Marais e Airbnb


Veja também o post com as dicas de  Roteiro em Paris


Viagem realizada para Paris em Outubro de 2019. Nicolas com 4a6m e Oliver com 1a10m.


Relações profissionais

CONVERSE COM A GENTE

Disneyland Paris | Roteiro com crianças

Minha experiência e tudo o que você precisa saber antes de ir para Disneyland Paris com bebê e criança:

Dicas Gerais

Existem dois parques: Disneyland Paris e Walt Disney Studios Park. Eu não achei os parques tão pequenos como havia ouvido falar. Claro que muito menores do que Disney Orlando, mas mesmo eu tendo feito um dia em cada parque, não consegui andar o Disneyland Paris inteiro, por exemplo.

Apesar do Disneyland Paris ser o principal parque, a atração mais legal está no Walt Disney Studios: Ratatouille, o brinquedo que a gente se sente do tamanho de um ratinho correndo pela cozinha.

Nem se compara com a magia Disney que existe em Orlando! É completamente diferente. Achei os parques lindos – muito pela vegetação europeia, especialmente os Pinheiros. Mas não existe aquela paixão dos funcionários por trabalharem ali e fazerem que tudo pareça o lugar mais feliz do mundo…

Zero problemas com a língua. Todas as atrações tem informações em francês e inglês. Todos os funcionários falavam inglês.

Na Disneyland Paris o Fastpass funciona diferente de Orlando, não tem como agendar com antecedência, não tem Fastpass pelo app. Funciona como era antigamente em Orlando: você vai até a atração, passa seu cartão de entrada no parque no sensor e retira um fastpass com o horário agendado para retornar para a atração. Não são todas as atrações que tem FastPass, mas a maioria das atrações concorridas tem.

Outra diferença de FastPass versus Orlando é que em Paris você pode comprar FastPass. Especialmente na alta temporada, pode fazer diferença. Existem vários tipos de FastPass que você pode comprar: FastPass para atrações família, só para montanhas russa, para ir 1X em cada atração que tem FastPass ou para ir ilimitado em todas atrações que tem FastPass. No site da Disneyland Paris você pode ver todas as opções/ atrações com FastPass e comprar.

Mais uma diferença marcante versus Disney Orlando é o tanto de fumantes que existem na Europa. Na Disney Orlando fumar já foi proibido, só é permitido do lado de fora do parque. Na Disneyland Paris existem áreas de fumantes, mas era comum ver pessoas fumando andando pelo parque.

Eu fui nos últimos dias de Setembro, fora de temporada pelas aulas terem recomeçado, portanto estava bem vazio. As filas em geral eram de 30 minutos. Maior fila que vi foi de 1h30 no Crush’s Coaster, montanha russa do Procurando Nemo. Maioria das atrações tinha 15-20 minutos de fila, especialmente na segunda feira. Vale lembrar também que durante a semana é menos lotado do que aos fins de semana. Em alta temporada espere por muitas filas.

Os horário de abertura, fechamento e fogos varia bastante dependendo da época do ano. No inverno fecha cedo, no verão fecha tarde. Consulte os horários no site da Disneyland Paris ou no app.

Walt Disney Studios

Era baixa temporada e estava chovendo, ou seja, o parque estava bem vazio! Coloquei meu casaco de chuva, capa de chuva nos carrinhos e fomos! Esse parque é pequeno e por ser baixa temporada, algumas atrações estavam fechadas para manutenção – eu já sabia antes pelo app da Disney Paris. Atrações como Cars e o show Moteurs.

Fomos em 3 atrações: Tapetes Voadores do Alladin, no Ratatouille e no Slinky Dog ZigZag Spin. Queria ter ido no Crush’s Coaster, mas mesmo a single rider estava com 1h de espera, desisti. E ficou faltando ir no Studio Tram Tour (o tour de trenzinho para ver os bastidores de filmes), mas os meninos estavam dormindo no carrinho, desistimos. Torre do Terror já conhecemos, não quisemos ficar na fila. Toy Soldiers Parachute Drop estava fechado pela chuva.

Almoçamos um pedaço de pizza no Hollywood Boulevard.

Para tirar foto com os personagens na área do Toon Plaza precisava agendar horário na fila virtual usando o app Lineberty. Sem ter horário marcado pelo app, nem adiantava ficar na fila.

Disneyland Paris

O que eu achei mais legal comparando com já ter ido na Disney Orlando foi ver personagens diferentes. Nesta Disney é possível tirar fotos com Peter Pan e Pinocchio, por exemplo.

Começamos por Adventure, onde tiramos foto com Capitão Gancho, fomos no Piratas do Caribe, na Cabana de Robinson e em Pirate’s Beach, um playground muito legal para crianças.

A parte mais linda sem dúvidas é Fantasyland. O castelo da Bela Adormecida é lindo, tem uns vitrais no segundo andar. Fomos no Dumbo, Carrousel, Les Voyages de Pinocchio, atração da branca de neve e sete anões (pior brinquedo), Alice’s Curious Labyrinth (lá tem um castelo com vista linda do parque), Xícara que roda, Trem do Casey Jr. (meninos amaram!). Não deu tempo de ir em It’s a small world e o brinquedo do Peter Pan estava em manutenção.

Em Discoveryland fomos em Buzz Lightyear Laser Blast, Orbitron, Star Tours, Star Wars Hyperspace Mountain, sendo que estes dois últimos as crianças não entram. Eu e Mauro revezamos.

Não deu tempo de visitar Frontierland.

Almoçamos um lanche rápido dentro do Videopolis Theatre, ficava passando desenho animado do Mickey nos telões.

Assistimos a parada às 17h30 e o show de fogos Disney Illuminations às 20h – os horários podem mudar conforme estação do ano. Adoramos ambos!

Conclusão

Os meninos aproveitaram muito as atrações! Só tiramos foto com um personagem, mas conseguimos ir em 12 atrações (as crianças) e eu e Mauro em 14 (contando as duas que eles não podem entrar). Lembrando que estava tranquilo por ser baixa temporada e nós usamos 2 Fastpass. Ficamos no parque das 11h da manhã até após os fogos, 20h30 mais ou menos. Oliver fez soneca no carrinho no meio do passeio. Nicolas não fez soneca.


Veja os stories no @vestidademae da Disneyland Paris mostrando o hotel e os parques clicando aqui.


Veja também o post com as dicas de como chegar + Hotel na Disneyland Paris e  Roteiro em Paris


Viagem realizada para Disneyland Paris em Setembro de 2019. Nicolas com 4a6m e Oliver com 1a10m.


Relações profissionais

CONVERSE COM A GENTE

Disneyland Paris | Como Chegar + Hospedagem Hotel Disney

Onde ficar na Disneyland Paris

Minha experiência e todas as dicas que você precisa saber sobre como chegar e onde se hospedar na Disneyland Paris com bebê e criança.

Duração da viagem, reserva de hotel e ingressos:

 Ficamos 2 noites na Disnelyland Paris. É possível fazer bate e volta de 1 dia saindo de Paris, existe uma estação de trem na porta da Disney (estação Marne-la-Vallée – Chessy), mas como somos fãs da Disney, queríamos a experiência de nos hospedar no complexo e aproveitar todas as atrações com calma.

 Reservei hotel + ingressos + transporte do aeroporto para o hotel diretamente do site oficial da Disneyland Paris. Lá é possível você cotar todos os hotéis e ver fotos de todos. Dica: verifique na aba de “ofertas” os pacotes promocionais. Quando comprei, consegui 25% de desconto pelos pacotes promocionais.

Como chegar

 Fomos no ônibus da Disney “Magical Shuttle” direto do aeroporto para o hotel. Comprei as passagens com antecedência pelo site, mas também pode comprar na hora. Tem ônibus a cada 15 minutos das 09 às 20h (verificar horários no site do magical Shuttle, muda conforme estação do ano). Chegamos no voo da Air France às 7h da manhã e deu certinho o tempo de passar pela migração, pegar as malas e chegar para o primeiro ônibus. Em menos de 1 hora estávamos no hotel Disney. Custa EUR23,00 cada adulto + EUR10,00 crianças de 3 a 11 anos. abaixo de 3 anos não paga.

Onde se hospedar

 Ficamos no Disney’s Newport Bay Club, um hotel 4 estrelas, 10 minutos de caminhada da entrada da Disney.  Fiquei muito na dúvida se ficava no Disneyland Hotel, 5 estrelas lindo de morrer e na entrada do parque, ou neste 4 estrelas todo renovado em 2016. Escolhei o Newport pela temática náutica, achei que meus meninos iriam adorar a cama parecendo barco e a piscina aquecida do hotel com um barco enorme dentro, e realmente amaram!

 Ficar em hotel Disney tem vantagens como estacionamento gratuito, shuttle gratuita para os parques, magic hours (horário exclusivo nos parques somente para hóspedes), berço gratuito, lugar para guardar mala gratuito. A vantagem principal, na minha opinião, é viver a magia Disney 24h!

 Eu optei por ficar num quarto de categoria superior, chamado Compass Club. As vantagens desta categoria são: recepção privativa, café da manhã incluso das 7 às 11h da manhã (o café era maravilhoso!), drinks (água, suco, café, refrigerante) à vontade das 12 às 22h, chá da tarde incluso das 16 às 17h45, ajudante de bagagem. Outro item que nós ganhamos foi um fastpass para usar no parque, por dia, por pessoa. São quartos que ficam em andares mais altos e para a gente foi excelente o atendimento.

 Esse hotel da Disney também tem encontro com personagens todas as manhãs, das 8 às 11h. A fila era super pequena e cada dia um personagem clássico diferente. Vimos Mickey, Minnie e Pato Donald.

 Em todos os hotéis Disney, a entrada no quarto é somente após às 15h. Se o seu voo chegar em Paris às 7h, lá pelas 10h você já estará no hotel. Você pode fazer o check-in e guardar as malas, mas somente irão deixar ir para o quarto às 15h. Nós fomos para o parque, eu chego em viagem muito animada!

Dicas Extras

 Os horários dos parques Disney variam conforme a estação do ano e o Magic Hour, na época que fomos (Setembro) era de manhã cedo, das 8h30 às 10h. O parque só estava abrindo às 10h para o público. Porém como chegamos de viagem com o fuso horário, era muito difícil acordar cedo e aproveitar as Magic Hours, não usamos.

 O jantar que fizemos no restaurante buffet do Hotel foi a refeição mais cara de toda a viagem para Paris. Custou EUR100,00 2 adultos + 1 crianca (o bebê não pagava). Dentro do hotel da Disney as refeições são caras (para nós, convertendo o euro em reais!).

 Entre o hotel e a entrada da Disney tem o Disney Village, como seu fosse um mini Disney Springs (comparando com Orlando). Um local com restaurantes e lojinhas. No último dia de parque, ao invés de jantar no parque, fomos comer um sanduíche no Earl of Sandwich, que é gostoso, rápido (porque meninos estavam cansados) e barato. No Disney Village também tem Café Mickey, jantar italiano com personagens, para quem gosta! Precisa de reserva com bastante antecedência.


Veja os stories no @vestidademae da Disneyland Paris mostrando o hotel e os parques clicando aqui.


Veja também o post Roteiro em Paris


Viagem realizada para Disneyland Paris em Setembro de 2019. Nicolas com 4a6m e Oliver com 1a10m.


 

Relações profissionais

CONVERSE COM A GENTE